Sou a Clara Matos e tenho 44 anos. A minha vida sempre foi em Azurém. Por este motivo, e imbuída de um enorme sentido de responsabilidade, aceitei o convite do Bruno Fernandes para encabeçar a lista da Coligação Juntos por Guimarães à Junta de Freguesia de Azurém.

Gosto de me envolver em causas cívicas que me permitam participar ativamente na comunidade. Atualmente, sou tesoureira da Associação de Pais da EB1 Pegada, escola que o meu filho frequenta. Abraçar projetos da comunidade em que possa ajudar o próximo faz-me mais feliz e mais realizada. Esta será uma das marcas do meu mandato, se merecer a vossa confiança.

Azurém é a segunda maior freguesia de Guimarães. Como cidadã atenta à minha comunidade, sinto-a desagregada quer ao nível do território, quer enquanto comunidade. É, por isso, urgente unir e envolver a comunidade! Para isso é necessário recuperar, reforçar e dinamizar as tradições da freguesia. Proponho-me e comprometo-me convosco a tal!

Para alcançar este objetivo constitui uma equipa que considero ter um profundo conhecimento da realidade local e, acima de tudo, pessoas com paixão pela nossa freguesia. Não tenham dúvidas que faremos crescer Azurém tendo sempre em mente:

  • a promoção de políticas de proximidade e transparência;
  • garantir uma melhor qualidade de vida individual e coletiva, sustentada em respostas sociais efetivas de ajuda aos idosos, às famílias e aos jovens;
  • estabelecimento de parcerias e trabalho em rede com as instituições, associações e coletividades da freguesia de forma a estarmos mais próximos da comunidade e de quem precisa;
  • dinamização da comunidade e reforço do papel das nossas coletividades no sentido de nos ajudarem a recuperar e valorizar o nosso património cultural e tradições, atualmente esquecidas e que devem ser retomadas;
  • fomentar a fixação da população, garantindo apoio às entidades mais orientadas para a educação;
  • articular com o Município soluções para a melhoria de acessos, escoamento de trânsito e aparcamento.

Estou certa da grandeza do desafio a que me proponho. Mas também sei que com humildade, dedicação, muito empenho e trabalho, eu e a minha equipa, estamos à altura de assumir o compromisso, respeitando sempre o passado e as nossas raízes, mas sempre com os olhos postos no presente e no futuro. Temos o firme propósito de alcançar uma verdadeira resposta às necessidades e legítimos anseios de todos os cidadãos de Azurém.

É isso que propomos e é isso que faremos!

Azurém
Clara Matos

Equipa

Propostas

Caros e Caras habitantes de Azurém,

A nossa freguesia necessita de políticas urgentes e agregadoras da comunidade e do território. Precisamos de uma liderança ativa, que resolva os problemas da população. Precisamos de uma governação transparente, moderna e desprendida de interesses. Temos uma visão de futuro, de desenvolvimento e de sustentabilidade para Azurém. Assumimos convosco os seguintes compromissos:

 

COESÃO SOCIAL

 

  • Criação do gabinete de apoio social ao cidadão: para uma sinalização e resposta mais célere a quem se encontre numa situação de vulnerabilidade;
  • Criação do gabinete de apoio à empregabilidade e empreendedorismo: apoio à procura de emprego e auxílio na criação do próprio emprego;
  • Atribuição anual de bolsas de mérito a estudantes do ensino secundário e superior que tenham bom desempenho escolar e pertençam a agregados com maior fragilidade social;
  • Atribuição de um subsídio complementar às associações de pais das escolas de ensino básico da freguesia para apoio às refeições e lanches das crianças dos ATL e Complemento de Apoio à Família;
  • Estabelecer parcerias para acompanhamento das crianças e jovens em idade escolar com apoio ao estudo, recuperação de aprendizagens e de ATL.
  • Campos de férias para crianças e jovens, a realizar nas férias de verão, com acesso a atividades de lazer e diversão, experiências culturais e desportivas.
  • Reforço do projeto “Oficina das Letras” alargando-o às tecnologias digitais, proporcionando a inclusão digital de idosos sem literacia;
  • Promoção de atividades ocupacionais para idosos para combate ao isolamento social e para promover o convívio e envelhecimento ativo realizando atividades de carácter sociocultural adequadas à condição física;
  • Estabelecer parceria com a Universidade do Minho e Associação Académica da Universidade do Minho para um programa de alojamento de jovens estudantes universitários em habitações de idosos da freguesia e que ajudem a combater o isolamento e solidão dos idosos;
  • Assegurar a qualidade de vida dos idosos ou pessoas com necessidades especiais realizando tarefas do dia-a-dia (ir aos correios, carregar botijas de gás, ir ao supermercado…) ou fazendo pequenas reparações nas suas casas.

 

ASSOCIATIVISMO E CULTURA

 

  • Criar a “Casa das Associações”, valorizando espaços já existentes na freguesia, para que as coletividades e/ou associações possam ali exercer a sua atividade;
  • Estabelecer protocolos para a utilização de pavilhões desportivos com outras entidades locais para a organização de eventos que fomentem a prática desportiva;
  • Reforço da verba anual concedida às associações e coletividades da freguesia;
  • Colaborar na dinamização e divulgação das festividades tradicionais;
  • Aumentar a frequência e variedade de destinos dos passeios e encontros da freguesia;
  • Eternizar a memória da Escola Secundária da Veiga com a instalação do monumento do estudante “Veigueiro”, na Rua de Francos, em coordenação com os Antigos Alunos da Escola Secundária da Veiga;
  • Encontrar, juntamente com a Universidade do Minho e a Associação Académica, espaços dedicados às praxes académicas, que deixem de perturbar e danificar bens e equipamentos públicos.

 

AMBIENTE E ECOLOGIA

 

  • Assumir o galardão “Eco-Freguesia XXI” como um meio para incrementar a sustentabilidade da freguesia, oferecendo uma melhor qualidade de vida à população.
  • Adesão ao programa “Eco-Famílias XXI” para incentivar e premiar as famílias que adotem práticas sustentáveis;
  • Criação de uma “Brigada Verde” com equipas de voluntários que promovam ações de sensibilização junto da população para as questões ambientais;
  • Reforço dos quadros da Junta de Freguesia para a conservação e manutenção dos espaços verdes e limpeza da via pública;
  • Marcação de trilhos e percursos pedestres que permitam conhecer o património.

 

URBANISMO, OBRAS PÚBLICAS E MOBILIDADE

 

  • Reorganizar, regular e reforçar o estacionamento automóvel em toda a freguesia;
  • Articular, com o município, a reorganização do trânsito;
  • Manutenção dos equipamentos públicos existentes, reativação de parques recentemente desativados e criação de novos parques de lazer e infantis nas áreas com maior densidade populacional, com inclusão de equipamentos para a prática desportiva;
  • Encontrar, em conjunto com o Município, uma solução para a expansão do cemitério de Azurém;
  • Requalificação das escolas de ensino básico da freguesia, garantindo condições adequadas à sua utilização pela comunidade escolar.

 

GESTÃO E TRANSPARÊNCIA

 

  • Divulgação dos concursos das obras públicas a realizar na freguesia;
  • Promover a discussão pública junto da comunidade quanto a obras que sejam realizadas na sua área de residência.
  • Divulgar atempadamente as sessões da Assembleia de Freguesia e respetiva ordem de trabalhos junto da comunidade, associações e coletividades;
  • Alteração do regimento da Assembleia de Freguesia introduzindo a gravação e/ou transmissão online das sessões promovendo a participação cívica e a transparência das sessões;
  • Modernização dos meios de comunicação da Junta de Freguesia de Azurém (website e redes sociais);
  • Criação de um balcão digital para evitar deslocações à Junta de Freguesia;
  • Alteração do horário de funcionamento, com atendimento em horário pós-laboral.

 

Índice